Toca-Teca na Guiné-Bissau – últimas atualizações

15 Mai, 2020

Por onde a Toca-Teca passa, na Guiné-Bissau, são disponibilizados livros, dinamizados ateliês e partilhados contos e jogos tradicionais guineenses. Fazem parte da Biblioteca da Toca-Teca mais de 1100 livros infantis, juvenis, para o público em geral e, ainda, publicações da FEC.

Desde 2019, a Toca-Teca disponibiliza o empréstimo de livros a professores, entre outras pessoas das comunidades.

Durante a segunda fase da digressão da Toca-Teca, nos primeiros 2 meses do ano, registou-se o empréstimo de 211 livros. Enquanto foi possível, foram visitados vários liceus e jardins-de-infância, onde crianças e jovens, através da Toca-Teca, ouviram histórias do livro “Tempu di Mininesa”, um dos produtos do Projeto, e participaram em jogos dinamizados pelos animadores com base nas histórias contadas.

Os animadores da Toca-Teca são estudantes da Faculdade de Ciências de Educação da Universidade Católica da Guiné-Bissau, com formação específica em “Como contar histórias”.

Na primeira fase da digressão, durante o ano de 2019, a Toca-Teca passou pelas regiões de Biombo, Cacheu, Oio e pelo Setor Autónomo de Bissau. E para 2020 foram adicionadas as regiões de Gabu, Bafatá e Quinara.

Neste momento, face às recomendações de prevenção do Governo da Guiné-Bissau, a digressão da Toca-Teca encontra-se suspensa, mas a equipa do Projeto encontra-se a preparar alguns contos que servirão de guia às crianças e jovens na luta contra a Covid-19.

Brevemente daremos mais novidades sobre esta atividade.

Esta iniciativa insere-se no âmbito do projeto Cultura i nô balur – Uma Estratégia de Educação para a Cultura na Guiné-Bissau, financiado pela União Europeia na Guiné-Bissau, a Misereor e o Instituto Camões – Cooperação Portuguesa Guiné-Bissau e desenvolvido pela FEC em parceria com a Universidade Católica da Guiné-Bissau, o Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, a ENGIM internazionale, a AEGUI e a Afectos Com Letras ONGD.

Últimas notícias…

Bolsas de mestrado para docentes Guineenses – candidaturas

Bolsas de mestrado para docentes Guineenses – candidaturas

As candidaturas para seis bolsas de Mestrado em Lisboa, na área da educação, estarão abertas de 1 a 28 de julho de 2020 no âmbito do Programa PRECASE. Estas bolsas destinam-se a docentes Guineenses e são referentes ao ano letivo 2020/ 2021. As bolsas de Mestrado serão...

read more