Coerência das Políticas para o Desenvolvimento

Junte-se a nós na promoção da CPD
e envie o postal digital aos nossos deputados europeus e nacionais.

Porque o Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada, todos e todas temos um papel na promoção de políticas mais justas e mais dignas. Ativar a nossa cidadania é ampliar a nossa voz e garantir que os nossos representantes conhecem e reconhecem o nosso esforço de promoção da justiça social global.

Os cincos postais digitais que partilhamos consigo, estão organizados em torno das 5 áreas temáticas prioritárias da Coerência das Políticas para o Desenvolvimento:

  • Segurança Alimentar
  • Migrações
  • Alterações Climáticas
  • Segurança
  • Comércio e Finanças

O texto apresentado em cada um dos postais é um apelo à ação da promoção de políticas mais coerentes e sustentáveis em cada uma das áreas.

Segurança Alimentar

Copie o texto e imagem deste postal temático e envie-o para o deputado que escolher.

TEXTO E IMAGEM A COPIAR E ENVIAR

A União Europeia (UE) é o maior importador e o 2º maior exportador mundial de produtos agroalimentares. A nível europeu, temos assistido a um reforço das políticas para equilibrar o consumo e o desperdício, alertando cada vez mais os cidadãos e as indústrias para o desperdício alimentar. Nos países em desenvolvimento, contudo, milhões de pessoas não têm garantidas as condições mínimas para a sua soberania alimentar, enfrentando a escassez, o elevado preço dos alimentos e as fracas condições de produção, armazenamento e transporte. Não podemos adotar legislação apenas nesta área, sem ter em consideração as políticas ambientais, as políticas comerciais e de financiamento, bem como o seu efeito nos mais pobres. Só uma resposta integrada e coerente da UE permitirá a uma real concretização do compromisso de assegurar a segurança alimentar para todos, tal como expresso nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

O Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada. Qual vai ser o seu papel?

Veja a lista completa dos Deputados e respectivos contactos:

 

Pode também enviar para os Grupos Parlamentares da Assembleia da República:

 

Consulte também as Comissões Parlamentares mais relevantes para esta temática:

Migrações

Copie o texto e imagem deste postal temático e envie-o para o deputado que escolher.

TEXTO E IMAGEM A COPIAR E ENVIAR

As migrações têm sido apontadas pela União Europeia (UE) como um dos principais motores de desenvolvimento. É através do Diálogo de Alto Nível com as Nações Unidas que se pode fazer avançar a agenda mundial sobre migração e desenvolvimento, e promover medidas concretas que tenham um impacto significativo na vida dos migrantes e das suas comunidades. A securitização deste tema tem prejudicado a promoção da migração e da mobilidade enquanto fator de desenvolvimento dos países de origem e de destino. A UE deve implementar políticas e instrumentos que  respeitem os direitos humanos, a dignidade dos migrantes e os seus direitos fundamentais, qualquer que seja o seu estatuto jurídico. São também necessárias respostas mais coerentes sobre a relação entre alterações climáticas, degradação ambiental e migração.

O Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada. Qual vai ser o seu papel?

Veja a lista completa dos Deputados e respectivos contactos:

 

Pode também enviar para os Grupos Parlamentares da Assembleia da República:

 

Consulte também as Comissões Parlamentares mais relevantes para esta temática:

Alterações Climáticas

Copie o texto e imagem deste postal temático e envie-o para o deputado que escolher.

TEXTO E IMAGEM A COPIAR E ENVIAR

A União Europeia (UE) e os seus Estados-membros são líderes mundiais no financiamento do combate às alterações climáticas. O financiamento da luta contra as alterações climáticas deve ser complementado por uma ação coerente de apoio aos países em desenvolvimento para que estes sejam capazes de mitigar esses efeitos, bem como por planos de desenvolvimento nacionais, estratégias políticas, instrumentos, mecanismos e legislação que promovam a atuação do setor privado e da sociedade civil. A conversão da contínua degradação ambiental a que assistimos só será possível com o pleno respeito pelos Bens Comuns Globais, com o repensar da nossa pegada ecológica e com a alteração dos padrões de consumo. Além disso, na definição e implementação de estratégias “verdes”, é fundamental equacionar os seus impactos à escala global, sobretudo nas legítimas aspirações dos mais pobres a uma vida digna.

O Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada. Qual vai ser o seu papel?

Veja a lista completa dos Deputados e respectivos contactos:

Pode também enviar para os Grupos Parlamentares da Assembleia da República:

Consulte também as Comissões Parlamentares mais relevantes para esta temática:

Segurança

Copie o texto e imagem deste postal temático e envie-o para o deputado que escolher.

TEXTO E IMAGEM A COPIAR E ENVIAR

É impossível alcançar o desenvolvimento sustentável sem paz e segurança, bem como garantir uma paz duradora sem desenvolvimento. Sendo as causas da pobreza também causas de conflito, a União Europeia (UE) deve dar uma resposta concreta à raiz dos problemas e apostar em abordagens integradas e coerentes no combate à pobreza, à insegurança e à violência. A Estratégia Global para a política externa e de segurança da UE reconhece a importância da coerência das políticas, mas deve passar das palavras à prática e atuar pelo exemplo, na “construção de uma ordem mundial assente no direito internacional, que garanta a paz, os direitos humanos, o desenvolvimento sustentável (…). Uma ação que se traduza numa aspiração transformadora, e não de mera preservação do sistema existente.”

O Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada. Qual vai ser o seu papel?

Veja a lista completa dos Deputados e respectivos contactos:

Pode também enviar para os Grupos Parlamentares da Assembleia da República:

Consulte também as Comissões Parlamentares mais relevantes para esta temática:

Comércio e Financiamento

Copie o texto e imagem deste postal temático e envie-o para o deputado que escolher.

TEXTO E IMAGEM A COPIAR E ENVIAR

A União Europeia (UE) e os seus Estados-membros continuam a ser o maior doador de ajuda ao comércio a nível mundial, mas é necessário garantir também que os acordos comerciais espelham as prioridades dos países em desenvolvimento. A ajuda ao comércio deve capacitar os pequenos produtores e empresas, facilitar a diversificação dos mercados nacionais, reforçar a igualdade de direitos das mulheres, aprofundar a integração regional e reduzir a desigualdade de rendimentos. Também o combate aos fluxos financeiros ilícitos, um sistema fiscal eficiente, justo e transparente, e um financiamento orientado para a sustentabilidade reforçarão o processo de desenvolvimento. Só assim estaremos alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e poderemos de facto “não deixar ninguém para trás”.

O Desenvolvimento é uma responsabilidade partilhada. Qual vai ser o seu papel?

Veja a lista completa dos Deputados e respectivos contactos:

Pode também enviar para os Grupos Parlamentares da Assembleia da República:

 

Consulte também as Comissões Parlamentares mais relevantes para esta temática:

Pode também fazer o download dos postais em versão PDF carregando nas imagens seguintes.

Segurança Alimentar

Migrações

Alterações Climáticas

Segurança

Comércio e Financiamento

Termos e condições

11 de setembro de 2018

A FEC – Fundação Fé e Cooperação e o IMVF – Instituto Marquês de Valle Flôr, parceiros e implementadores do projeto Coerência.pt em Portugal, compreendem a necessidade de proteção dos dados pessoais de todos os visitantes do Website institucional www.coerencia.pt e respeita o seu direito à privacidade. Como tal, garantimos que todos os dados que aqui possam vir a ser colocados ficarão em segurança.

Informação

Todo o conteúdo publicado neste Website é da responsabilidade dos parceiros do projeto Coerência.pt, não podendo, em caso algum, ser tomado como expressão das posições de cofinanciadores. Os parceiros não tomam, no entanto, partido ou assumem tendências perante opiniões da responsabilidade de entidades externas.

Toda a informação escrita constante deste site obedece às normas instituídas no Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.

O espólio de imagens presente no site é resultado do importante contributo dos colaboradores, parceiros locais e demais entidades que colaboram com o projeto, ou fotos de bancos de imagem públicos.

O projeto utiliza o copyleft. Toda a informação disponibilizada neste site pode ser utilizada desde que para fins lícitos e com referência expressa à sua fonte.

Dados Pessoais

A recolha de dados pessoais neste Website é realizada através da sua disponibilização, voluntária, pelos seus titulares e mediante o pleno conhecimento da sua finalidade. Todos os dados requeridos são adequados ao fim a que se destinam, não solicitando os parceiros dados do foro privado dos indivíduos.

Caso não concorde com o que é estabelecido na presente política de privacidade, por favor não utilize o Website. O Website constitui um instrumento relevante para a FEC e os seus parceiros desempenharem o seu trabalho, pois este permite-lhes difundir informação sobre as campanhas que organizam junto do público em geral, emitir comunicados de imprensa e mobilizar os seus colaboradores, entre outras ações.

O fornecimento de dados pessoais através do Website pressupõe o conhecimento da presente Política de Privacidade. Utilizadores com idades inferiores a 18 anos, a quem não foi dada uma autorização prévia para o efeito pelos seus pais ou tutores, devem abster-se de enviar dados pessoais através do Website.

Os parceiros pressupõem que o utilizador está habilitado a fornecer os dados recolhidos através do Website e que estes são atuais, verdadeiros e precisos.

Responsável pelo tratamento

Os parceiros são responsáveis pelo tratamento dos dados pessoais dos utilizadores do Website recolhidos através do mesmo.

Dados tratados, sua utilização e finalidades do seu tratamento

No contexto da utilização do Website pelo utilizador, os parceiros podem tratar as seguintes categorias de dados, para as finalidades adiante indicadas:

O tratamento dos dados de registo pelos parceiros destina-se a permitir ao utilizador a possibilidade de subscrever as informações; receber informação segmentada consoante os seus interesses; facilitar a assinatura das petições; receber novidades, campanhas e ações.

A subscrição das informações e o preenchimento de certos formulários implica o envio por parte dos parceiros de mensagens informativas para a conta de correio ou número de telefone fornecidos pelo utilizador.

Com quem são compartilhados os seus dados pessoais

No quadro das suas competências, os parceiros necessitam de partilhar os dados pessoais relativos ao utilizador com terceiras entidades, pelo que o utilizador reconhece e consente nessa partilha. Neste âmbito, os parceiros podem transmitir aqueles dados pessoais:

A Governos, empresas ou quaisquer outros organismos que são o alvo das campanhas a que o utilizador subscreveu;

Direito de Acesso, Retificação e Atualização de Dados

Nos termos da lei, os parceiros garantem-lhe, a todo o tempo, o direito de acesso, retificação, atualização e eliminação dos respetivos dados pessoais, podendo ainda opor-se ao seu tratamento para efeitos de marketing direto, em todos os casos, mediante pedido escrito dirigido aos parceiros,  para o seguinte endereço: cpdesenvolvimento.pt@gmail.com.

Cookies

São utilizados cookies neste Website. Um cookie é um pequeno arquivo de texto que identifica o seu computador no servidor. Os cookies em si não identificam o utilizador individual, apenas o computador utilizado. Os cookies não são usados para analisar as atividades dos utilizadores, mas permitem-nos utilizar as informações recolhidas através dos cookies para melhorar o Website e armazenar certas preferências dos utilizadores individuais do Website.

Os navegadores da Web permitem-lhe exercer algum controle de cookies através das configurações do navegador. O utilizador tem, a qualquer momento, a possibilidade de configurar o seu computador para aceitar todos os cookies, para notificá-lo quando um cookie é emitido ou para não receber certos ou quaisquer cookies. A forma como procede a tal depende do navegador (web browser) que utiliza. Para mais informações por favor, consulte a função “Ajuda” do seu navegador ou visite www.allaboutcookies.org. Se aceitar cookies, eles podem permanecer no seu computador por muitos anos, a menos que os elimine. Deve observar ainda, que desligar cookies pode significar que quaisquer opt-outs ou preferências definidas no Website serão perdidas, bem como pode traduzir-se numa limitação do uso ou da eficiência de websites.

A utilização de cookies por este Website pressuporá sempre o seu prévio consentimento.

Segurança dos dados pessoais

Os dados recolhidos são arquivados num ficheiro automatizado e confidencial.

Apesar de todos os esforços, não é possível, porém, aos parceiros garantirem a plena e absoluta inviolabilidade da informação recebida, tendo em conta o caráter inseguro das redes abertas como a Internet.

Alterações

Os parceiros reservam-se o direito de modificar, a qualquer momento e sem necessidade de pré-aviso, a presente Política de Privacidade, pelo que aconselhamos a sua consulta com regularidade.

Share This