Navegação
Relatório de Atividades | Projeto aterra vence na categoria consumo sustentável green project awards
505
post-template-default,single,single-post,postid-505,single-format-standard,ajax_updown,page_not_loaded,,select-child-theme-ver-1.0.0,select-theme-ver-4.4.1,side_area_over_content,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive

Projeto aterra vence na categoria consumo sustentável green project awards

O projeto “aTerra – ligar, participar, transformar”, promovido pela FEC em parceria com a Associação Casa Velha, empresa municipal Ouremviva e ONGD ACTUAR, foi um dos premiados da 9ª edição dos Green Project Awards (GPA).
Dos mais de 100 projetos recebidos nesta edição, o júri dos GPA presidido pela Agência Portuguesa do Ambiente e pela Quercus, distinguiu na categoria Consumo Sustentável o projeto aTerra.

Tendo como enfoque o Desenvolvimento Rural no quadro do Direito Humano a uma Alimentação Sustentável, o aTerra estabelece uma interligação das políticas para o desenvolvimento sustentável com a realidade das pessoas e dos territórios, avaliando a especificidade das zonas rurais de minifúndio do país em articulação com os movimentos e desafios globais de mudanças para estilos de vida mais sustentáveis. Tem como componentes: Capacitação e Integração de Pequenos Agricultores e Produtores, Sensibilização e Mobilização de Jovens e Dinamização de Redes Locais para o Desenvolvimento Sustentável. Para a realização e implementação do projeto foram aplicados 124.559,86€ ao longo de 2 anos. Entre outros resultados, de destacar que mais de 500 jovens foram mobilizados para voluntariado e estilos de vida mais sustentáveis e 2 escolas iniciaram consumo de produção local. Para melhor conhecer o projeto saiba mais aqui sobre o documentário aTerra.