Lançamento do Documentário Mudar pelo Planeta, Cuidando das Pessoas – Histórias de Mudança

2 Nov, 2017

9 NOV | LARGO Café Estúdio (Largo do Intendente, 16, Lisboa)

PROGRAMA
19h00
Mudar pelo Planeta, Cuidando das Pessoas – Histórias de Mudança | 2017 | 30´, Realizadora Patrícia Pedrosa – Entrada gratuita

19h45
Manifesto “Mudar pelo Planeta, Cuidando das Pessoas”, ilustrado por Ketta Cabral

20h
Jantar tertúlia com a presença de alguns protagonistas do documentário, da realizadora, dos voluntários ativistas que produziram o manifesto e da ilustradora (Necessário reservar até dia 8 de novembro – preço do prato de 7 euros – reservas para catarina.antonio@fecongd.org)

Este será um fim de dia especial onde nos poderemos deixar contagiar por histórias de mudança de gente como nós. Gente que tem a sua rotina, o seu dia-a-dia, na cidade, no campo, que faz as suas escolhas e nas suas escolhas dão-se pequenas mudanças. Estas pequenas mudanças estão ao nosso alcance e todos os dias contribuem para um mundo mais justo e sustentável.

SINOPSE
Quando mudei? Porque mudei? desafio-te a…Estas foram as questões de partida lançadas pelo projeto Juntos pela Mudança para a realização de dez histórias de vida, ao longo dos últimos meses, dirigidas pela realizadora Patrícia Pedrosa. Histórias vindas de Portugal, Espanha, Filipinas, Bélgica, Canadá, Inglaterra, agora reunidas numa única História, que nos inspiram a mudar a partir da realidade de cada um, demonstrando como de facto as nossas pequenas mudanças geram a grande mudança de que a Humanidade e o Planeta precisam. Testemunhos do agricultor Alfredo Sendim, da Teresa, uma mãe preocupada com o ambiente e a saúde, do Padre Samuel, à procura de maior justiça social na sua paróquia, da Maria Rowena Buena, responsável por uma associação de camponeses nas Filipinas e defensora da agroecologia, da Dulcineia, voluntária preocupada em reflectir sobre ecologia e ecologia integral, de uma Escola espanhola, de uma organização de produtores – consumidores belga, a GASAP, de uma jovem estudante para quem as questões do ambiente começam no tempo que dedicamos aos outros… testemunhos que nos revelam que a mudança é possível e que está acontecer com muita força em muitas comunidades espalhadas pelo mundo. Uma força de mudança que responde aos desequilíbrios ambientais e sociais que vivemos a nível global e local e que podem inspirar as agendas políticas da atualidade.  Fica o desafio a fazermos também nós parte desta História, acrescentando a estas a nossa pequena (eu tirava o pequena)  história de mudança.

Patrícia Pedrosa, realizadora. “Comecei por trabalhar com a imagem e a linguagem visual na televisão. Durante 17 anos trabalhei na RTP como jornalista na realização de média e grande reportagem. Mas foi no mestrado de Antropologia Visual, na Universidade de Manchester, que adquiri a técnica que me permite hoje ter um olhar próprio quando gravo e edito o meu trabalho. Nos últimos 9 anos tenho participado em diferentes projectos e colaborado com diferentes empresas e organizações como:   a Peugeot, o Grupo Pestana, os Urban Sketchers, a ILGA, a Alliance Française, o P28, a Liscont, a AAMA, a Junta de Freguesia e as Ceifeiras de Pias, o Colégio das Doroteias, a Associação Casa Velha, a FEC, a CIDSE… e o meu trabalho pode ser visto em: www.shoebox.pt.”

Ketta Linhares, ilustradora. “Sou timorense e meço 1,51 m. Em 1982, quando nasci, ficámos 5 irmãos. Hoje somos 8 filhos da mesma mãe e do mesmo pai. Sou casada com o Mário, o meu melhor amigo e companheiro de todas as viagens. Descobrimos o paraíso juntos quando o Matias nasceu. Gosto de desenhar. É algo que se ganha com a prática: os olhos transmitem ao cérebro o que vê e as mãos revelam nas páginas em branco o que o coração sente. É tão simples quanto isto. Sou construtora de cadernos LALORAN e sou feliz.”

O Documentário e o Manifesto Mudar pelo Planeta, Cuidando das Pessoas – histórias de vidas sustentáveis foram realizados no âmbito do projeto Juntos pela Mudança – ação conjunta por estilos de vida sustentáveis, promovido pela FEC – Fundação Fé e Cooperação com o apoio do Instituto Camões, em parceria com a Associação Casa Velha – Ecologia e Espiritualidade e a Rede CIDSE.

Últimas notícias…

Projeto EKEVELO arranca os trabalhos no município do Virei

Projeto EKEVELO arranca os trabalhos no município do Virei

No passado dia 13 de outubro de 2020 a equipa do projeto EKEVELO - Esperança na Resiliência: Reforço da Segurança Alimentar e Nutricional das comunidades no município do Virei deslocou-se ao município do Virei para reuniões de planeamento e início das atividades....

read more