COVID-19: FEC subscreve petição para perdão da dívida externa dos países em desenvolvimento em 2020

13 Abr, 2020

A FEC associou-se a mais de 100 organizações da sociedade civil de todo o mundo que assinaram uma petição para que se proceda ao cancelamento de pagamentos da dívida externa por parte dos países em desenvolvimento durante o ano de 2020 e disponibilização de financiamento adicional de emergência que não crie dívida.

“O cancelamento do pagamento da dívida é a forma mais rápida de manter dinheiro nos países e libertar recursos para enfrentar a atual crise (saúde, económica e social) resultante da pandemia global de Covid-19”, lê-se no apelo feito pela organização.

Mesmo antes da pandemia, já eram muitos os países em crise. Com a possibilidade de emergirem mais e maiores dívidas de outros países é necessária uma abordagem mais abrangente e de longo prazo para uma reestruturação da dívida mais eficiente e equitativa.

A suspensão do pagamento da dívida externa destes países libertaria automaticamente cerca 23 mil milhões de euros, que não sairiam das suas economias e poderiam ser imediatamente investidos em cuidados de saúde e apoios sociais e económicos para as populações mais vulneráveis.

Leia a declaração completa aqui.

Últimas notícias…

Cabo Delgado | Não nos conformamos com a violência

Cabo Delgado | Não nos conformamos com a violência

Mais de 30 organizações da sociedade civil portuguesa apelam ao envio urgente de ajuda humanitária para Cabo Delgado, Moçambique A população de Cabo Delgado, em Moçambique, está a viver, desde há quatro anos, violentos ataques, que já fizeram mais de 700.000...

read more