Direitos Humanos tomam conta das paredes de Bolama

21 Abr, 2022

As paredes de Bolama ganharam uma nova vida graças à força transformadora da arte urbana.

Inspirado na inclusão, no empoderamento feminino, no direito à escola e na importância da saúde pública, o projeto No Firma pa Nô Dritus – com a maestria do artista guineense Nuno Alá Tambá, conhecido por Young Nuno – quer mais do que embelezar espaços vazios, pretende dar a quem passa um novo motivo para parar, olhar e refletir sobre várias temáticas relacionadas com os Direitos Humanos e Cidadania.

Nesta primeira fase, foram intervencionadas paredes das Escolas de Wato, Madina, Caboupa e Escola Normal Amílcar Cabral.

Esta iniciativa visa ainda envolver a comunidade, potencializando a ligação entre os habitantes e as obras, e despertar o interesse da população para a arte contemporânea.

A arte urbana volta, já no próximo mês de maio, a pôr as paredes de Bolama a falar. E, tal como aconteceu na primeira fase, todas as intervenções contam com atividades paralelas de debate sobre as temáticas ilustradas nos murais.

“No Firma pa nô Dritus – Bolama” é implementado pela FEC em parceria com a Academia Ubuntu Guiné-Bissau, com financiamento da União Europeia na Guiné-Bissau.

Últimas notícias…