Angola: Comité de Direção Do Programa FRESAN visita projeto MA TUNINGI

31 Jan, 2024Angola, Geral, homepage, Projeto MA TUNINGI

O projeto MA TUNINGI recebeu o Comité de Direção do programa FRESAN – Fortalecimento da Resiliência e da Segurança Alimentar e Nutricional, no Giraúl de Cima, tendo a equipa FEC e os beneficiários do projeto  mostrado os resultados e impacto obtidos até ao momento.

Foi apresentado o percurso de capacitação facilitada pelo projeto, quer no que respeita às questões de cooperativismo, como em termos de práticas agrícolas mais sustentáveis, resilientes e adaptadas à realidade local; os campos demonstrativos dinamizados, onde têm sido experimentadas técnicas agrícolas e testadas culturas e variedades que normalmente não são cultivadas no local; as infraestruturas de água, melhoradas, sustentáveis e inovadoras para os agricultores que têm agora acesso a água para consumo humano e para irrigação das suas culturas; iniciativas de transformação e armazenamento de produtos, como o caso do doce de mamão e do projeto de execução de 5 sedes/armazéns que arrancará as suas obras no prazo de poucas semanas. Houve ainda espaço para uma apresentação de produtos produzidos pelos beneficiários e uma visita a uma lavra familiar, onde se pôde comprovar as técnicas aprendidas postas em prática pelos beneficiários.

Além disso, reforçou-se a importância de o projeto adotar uma abordagem participativa e de aprendizagem conjunta, uma vez que todos os beneficiários são envolvidos nas experiências realizadas, quer diretamente, quer através do acompanhamento dos agricultores modelo, adotando o modelo de “aprender a fazer”.

A Embaixadora da União Europeia em Angola, Rosário Bento Pais, refere que o MA TUNINGI é um projeto que “dá todas as valências para que eles (agricultores) possam saber como aproveitar este terreno que é semiárido, mas que pode produzir o suficiente para os alimentar e às famílias deles e, eventualmente, fazer transformação de produtos para serem vendidos no mercado”, referindo-se aos doces de mamão produzidos, resultado de um excedente de produto que era, até há pouco tempo, desperdiçado.

Francisco Alegre Duarte, Embaixador de Portugal em Angola, afirma que “saio animado porque vejo que há resultados e há um genuíno espírito de equipa entre todos os envolvidos”, acrescentando que “o objetivo não é que o FRESAN se prolongue indefinidamente, é deixar as sementes, em termos de construção do saber, capacitação, para que as populações e as instituições angolanas se autonomizem o mais depressa possível”.

Estiveram ainda presentes o Secretário de Estado para a Área Hospitalar, Leonardo Europeu Inocêncio, o Vice-Governador da Província do Namibe para a área política, social e económica,  Abel Kapitango, o Vice-Governador para o Sector Político, Social e Económico da Província do Cunene, Apolo Ndinoulenga e Miguel Girão de Sousa, adido para a Cooperação da Embaixada de Portugal em Angola.

O projeto MA TUNINGI é uma ação integrada no Programa FRESAN – Fortalecimento da Resiliencia e da Segurança Alimentar e Nutricional em Angola, financiada pela União Europeia e parcialmente gerida pelo Camões, I.P. que pretende contribuir para a redução da fome, pobreza e vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional no Cunene, Huíla e Namibe.

Últimas notícias…