Ações de sensibilização em educação alimentar e nutricional em escolas e postos de saúde

6 Jul, 2021

Nos passados dias 23 e 24 de junho, o projeto EKEVELO – Esperança na Resiliência: Reforço da Segurança Alimentar e Nutricional das comunidades no município do Virei dinamizou ações de sensibilização em educação alimentar e nutricional em 2 escolas e 2 postos de saúde nas comunidades de Khande e Munda, no município do Virei.

Estas ações de sensibilização foram planeadas e dinamizadas em conjunto com a Equipa Multissectorial de Resiliência e Segurança Alimentar do município do Virei, composta por vários atores locais, como técnicos e dirigentes da Administração Municipal do Virei, da Proteção Civil e Bombeiros, Polícia, Instituto de Serviços de Veterinária (ISV), EDA (Estação de Desenvolvimento Agrário), Igrejas locais e Autoridades Tradicionais.

Esta atividade levou até às comunidades locais uma equipa da saúde e da ação social municipal que, junto da população falaram sobre a importância de uma alimentação variada e rica em nutrientes, composta por alimentos que podem ser cultivados pela própria comunidade no local onde vivem, terminando com a confeção e distribuição de uma refeição composta por esses mesmos produtos a toda a comunidade.

Para além dos temas da nutrição, foram também abordados temas como a higiene e prevenção da Covid-19, bem como o tema das doenças sexualmente transmissíveis e sua prevenção. Estes temas foram identificados pelas autoridades tradicionais e pela própria Equipa Multissectorial, como sendo uma necessidade a ser abordada nas comunidades, sendo distribuído pelas mulheres das comunidades 40 kits de higiene.

De realçar o envolvimento e colaboração de vários elementos das autoridades governamentais, nomeadamente o Sr. Administrador Municipal do Virei, Lenine dos Santos, e de vários elementos das autoridades tradicionais.

O projeto EKEVELO é uma ação integrada no Programa FRESAN, financiado pela União Europeia e co-gerido pelo Camões, I.P. que pretende contribuir para a redução da fome, pobreza e vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional no Cunene, Huíla e Namibe.

Esta notícia foi produzida com o apoio financeiro da União Europeia. O seu conteúdo é da exclusiva responsabilidade da FEC e não reflete necessariamente a posição da União Europeia.

O FRESAN é uma iniciativa do Governo de Angola, financiada pela União Europeia, gerido parcialmente e cofinanciado pelo Camões, I.P. Pretende contribuir para a redução da fome, pobreza e vulnerabilidade à insegurança alimentar e nutricional no Cunene, Huíla e Namibe, sobretudo através do reforço da resiliência e produção agrícola familiar sustentável, da melhoria da situação nutricional das famílias e apoio ao desenvolvimento de capacidades nas instituições.

Últimas notícias…

FEC entrega certificados a elementos do Jardim Escola Inclusivo Bambaran

FEC entrega certificados a elementos do Jardim Escola Inclusivo Bambaran

Foi num clima de alegria e de grande entusiasmo que os elementos da equipa técnica, pedagógica e diretiva do Jardim Escola Inclusivo Banbaram receberam, no dia 9 de outubro, os certificados de formação que validam as competências e ferramentas que adquiriram, entre outubro de 2019 e setembro de 2021, ao abrigo do projeto “IN – da institucionalização à inclusão: Projeto-piloto de uma escola inclusiva”, e que lhes permitiu ir mais além, enquanto pessoas e enquanto trabalhadores.

read more
Pintura de Mural “Juntos pela Criança” em Moçambique

Pintura de Mural “Juntos pela Criança” em Moçambique

Em Moçambique, apenas 4% das crianças frequenta a Educação Pré-Escolar. Nesse sentido, o projeto Tchovar está a promover uma campanha nacional para consciencializar decisores, autoridades, pais e comunidades para a importância da Educação Pré-Escolar e a promoção da...

read more