Equipa reforçada

16 Mar, 2017

Garantir um modelo de gestão e governança mais transparente é um dos eixos estruturantes do presente projeto. A equipa do projeto coerência.pt acredita que a partilha de boas práticas de gestão alavanca a transparência dos processos de gestão e beneficia não só as organizações pares, mas também os beneficiários do projeto.

Neste sentido, gostaríamos de comunicar os resultados do processo de recrutamento de um consultor e de um avaliador para o presente projeto.

Em ambos os projetos, os termos de referência foram públicos e disseminados. Esses termos de referência indicavam os objetivos de cada uma das funções, bem como a metodologia.

Para o concurso de consultor foram rececionadas 2 candidaturas e avaliadas segundo os seguintes critérios: experiência nos temas abordados, demonstração de conhecimentos no setor Educação para o Desenvolvimento/Cidadania Global, no setor Cooperação para o Desenvolvimento e Coerência das Políticas para o Desenvolvimento.

Em termos metodológicos privilegiamos a inclusão dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, o género, a dimensão glocal e a própria estrutura dos estudos requeridos.

Também o cronograma da proposta e a sua ligação aos resultados esperados, bem como os critérios financeiros foram tidos em conta.

Tendo por base estes critérios a proposta mais alinhada ao solicitado foi apresentada por Patrícia Magalhães Ferreira, investigadora e consultora, nas áreas da Cooperação para o Desenvolvimento.

Em relação à avaliação externa, que tem por finalidade avaliar a eficácia e eficiência do projeto, tendo em conta objetivos, atividades implementadas e resultados alcançados e formular recomendações aos promotores e parceiros, com vista à promoção de futuras iniciativas, foram rececionadas 7 propostas. Também para este concurso a equipa desenvolveu uma grelha de avaliação, capaz de refletir os termos de referência publicitados. Assim, foram objeto de avaliação o Curriculum Vitae do/a avaliador/a , a tabela de monitorização da avaliação, a análise e os conhecimentos demonstrados em ED/Cidadania Global , em Coerência das Políticas para o Desenvolvimento, os ODS , experiência de  avaliação em projetos de ED/ECG e de projetos de Cooperação para o Desenvolvimento.

Igualmente revelante foi a metodologia da avaliação proposta e o respetivo cronograma.

Da análise das propostas recebidas a equipa do projeto selecionou a submetida por João Mesquita, da Coalt.

O reforço da equipa coerência.pt contribui para a uma ação mais eficiente e eficaz. Mantenha-se atento às nossas iniciativas.

Últimas notícias…

Oportunidades criadas em tempos de covid

Oportunidades criadas em tempos de covid

A pandemia lançou-nos diversos desafios organizacionais e na implementação dos projectos que desenvolvemos. Obrigou-nos a pensar e definir planos de contingência, a cuidar da relação com parceiros e mesmo com comunidades à distância, a promover uma proximidade...

read more