Moçambique: Diagnóstico da Situação das Crianças do Distrito de Nlhamankulu

10 Abr, 2018

Durante o mês de março, a FEC e a Khandlelo: Associação para o Desenvolvimento Juvenil, com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian – Parcerias para o Desenvolvimento, em articulação com os serviços municipais e provinciais do Ministério do Género, Criança e Ação Social, realizaram um estudo de terreno para diagnóstico da situação da criança e da educação pré-escolar no Distrito de Nlhamankulu (Chamanculo) – Município de Maputo.

Através de metodologias participativas, desde a observação das crianças nos seus contextos de vida, o acompanhamento das suas rotinas e atividades em Estabelecimentos de Educação Pré-Escolar, entrevistas a agentes educativos (monitores, direções de estabelecimentos de educação de infância, encarregados de educação) e reuniões com Organizações da Sociedade Civil e autoridades locais, foi possível identificar as principais fragilidades e potencialidades da realidade das crianças que habitam este território urbano, nomeadamente a carência de estruturas educativas e espaços ao ar livre seguros e de qualidade.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatísticas de Moçambique (INE) relativos a 2013, o Distrito de Nlhamankulu, que é constituído por sete bairros (Aeroporto, Xipamanine, Minkadjuíne, Unidade 7, Chamanculo, Malanga e Munhuana), aloja uma população de 20.094 crianças entre os 0 e os 5 anos de idade.

Últimas notícias…

Oportunidades criadas em tempos de COVID-19

Oportunidades criadas em tempos de COVID-19

A pandemia lançou-nos diversos desafios organizacionais e na implementação dos projetos que desenvolvemos. Obrigou-nos a pensar e definir planos de contingência, a cuidar da relação com parceiros e mesmo com comunidades à distância, a promover uma proximidade digital....

read more