Sistema de Informação e Gestão de Educação

20 Dez, 2016

A FEC – Fundação Fé e Cooperação convida à apresentação de propostas para desenvolvimento e implementação de um Sistema de Informação e Gestão de Educação (SIGE) descentralizado na Guiné-Bissau.

O termo de referência com mais informações sobre esta proposta pode ser descarregado aqui.

O documento de requisitos pode ser descarregado aqui.

As propostas devem ser enviadas via e-mail para fec.tiagosilva@gmail.com e mercedes.pinto@fecongd.org, até ao dia 16 de Janeiro de 2017.

Respostas às questões colocadas no período de 16 a 26/12/2016

I – Apresentação das propostas

  1. O formulário E. FORMULÁRIO DE APRESENTAÇÃO DE PROPOSTA PARA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO não tem indicação de onde colocar a proposta técnica e financeira. Deve ser um anexo? Deve ser incluída no formulário? A proposta técnica é o que se designa por Organização e metodologia? O formato da proposta técnica é livre?

A resposta a essas questões está descrita no ponto 4 das instruções aos proponentes: “A proposta deve ser constituída por uma proposta técnica e por uma proposta financeira, a serem enviadas em separado, em formato digital, via correio eletrónico”. O “formulário de apresentação da proposta” é um dos 3 elementos que constituem a proposta técnica e não o contrário. O formato da “Organização e metodologia, a elaborar pelo proponente” é livre!

  1. “No ponto B.2 em que é apresentado o Calendário, pode-se ler nas notas “Data Provisória”, mas não encontramos a sua ligação com nenhuma das datas indicadas, a sinalização pode ter desparecido no acto de gravação do documento Word em PDF; a pergunta que colocamos é qual é, ou quais são as “Datas Provisórias”?”

No ponto B.2. o calendário permanece inalterado. Contudo a data prevista de “Entrevistas” e de “Assinatura do contrato” deveriam estar assinaladas como “Datas Provisórias”.

  1. Não considerando a empresa a necessidade da utilização de Peritos do país parceiro ou de organizações internacionais/regionais estabelecidas no país, vimos perguntar se estes peritos são de caráter obrigatório?

Os peritos principais podem ser técnicos da própria empresa, com as competências necessárias para o desenvolvimento / customização do SIGE. Peritos do país parceiro ou de organizações internacionais/regionais estabelecidas no país, não são de caráter obrigatório.

  1. A Empresa disponibilizará 2 peritos principais e 1 operacional no serviço de apoio que efetuarão as suas funções em Portugal, com exceção das 4 viagens previstas nas diferentes etapas da Ação. Estes peritos poderão trabalhar em regime de exclusividade a partir de Portugal?

Sim, os técnicos poderão trabalhar a partir de Portugal, com exceção das 4 viagens previstas nas diferentes etapas da Ação.

II – “Soluções”

  1. “Estamos disponíveis para desenvolver, adaptar ou criar de raiz uma solução. A solução a desenvolver poderia ser na Cloud? Ter a informação descentralizada e concentrada ao mesmo tempo? Isto é via web.”

A solução a desenvolver pode ser uma solução na Cloud, com backup num servidor localizado na região.

  1. Nossa solução é um SIGE Educacional especialista para escolas, colégios, faculdade e demais modalidades educacionais, tem o conceito de SaaS (Software de Serviços), com tecnologia em NUVEM (via internet), o acesso à aplicação e hospedagem de dados ficam localizados em servidor próprio ou contrato pela fornecedora. Pergunto: Nas localidades conforme o item 4.1.2 onde trata da abrangência da aplicação do projeto possui uma internet de qual tipo (rádio, cabo, etc) e qual velocidade?

Existem dois tipos de internet no país Wimax e 3G móvel. A ligação wimax ronda os 256kb e a ligação 3G móvel pode ultrapassar os 1Mbps, mas é cara e pouco fiável em algumas regiões.

  1. A solução não necessita de instalação de programas nos computadores e servidores de rede física, seu acesso é via internet e por navegadores como: Mozila ou Firefox, Google Chrome, Windows Explorer, Opera, Android, MacOS, etc). Pergunto: Qual navegador de internet será utilizado na rede das escolas?

Não existe nenhum navegador de internet de utilização padrão.

  1. Nossos serviços existem custos mensais que cobrem hospedagens da aplicação e dados do usuários, bem como manutenção preventiva e corretiva e desenvolvimento e suporte técnico aos usuários. Pergunto: Quanto a modalidade dos serviços contratados será anual com renovação automática para próximo período?

Depende dos serviços e dos custos.

  1. O fornecimento da solução é do tipo CONCESSÃO DE LICENÇA DE USO ao contratante pois tanto a marca quanto os componentes (códigos) são registrados em organismos de propriedade industrial e desenvolvimento de programas de computador (INPI-BR). Pergunto: Como a solução (software) já esta em operação em instituições de ensino e está bem maduro a sua contratação poderia ser em forma de licença de uso sem direito a propriedade do contratante?

Poderá ser na forma de licença de uso, desde que haja garantia de manutenção evolutiva.

 

Últimas notícias…

Exposição Tantas Vezes Digo ao Orvalho Sou Como Tu

Exposição Tantas Vezes Digo ao Orvalho Sou Como Tu

Tantas vezes digo ao orvalho sou como tu é o nome da nova exposição que inaugura quinta-feira, dia 1 de outubro, às 18h, na Brotéria. Refletir sobre a problemática ambiental, percecionada através dos sentidos que os artistas nos provocam, foi o propósito...

read more