CAPSA II – Caderno de Políticas de Saúde em Angola

27 Jul, 2017

No passado dia 7 de julho, foi realizado em Luanda, na Direção Nacional dos Recursos Humanos do Ministério da Saúde de Angola, um encontro entre várias entidades que trabalham na área da saúde – autoridades locais, instituições de ensino e organizações não governamentais. Um momento de troca de experiências no terreno da formação dos recursos humanos de saúde, com enfoque na abordagem e implementação da prática clínica, de forma a elaborar um segundo policy paper, na linha da sistematização de experiências e de boas práticas do antecessor, “CAPSA I – CADERNO SOBRE POLÍTICAS DE SAÚDE EM ANGOLA – Formação Permanente de Recursos Humanos de Saúde”, criado no âmbito do projeto FORVIDA.

Esta atividade está inserida no projeto Obrigado Mãe, que tem vindo a realizar estágios, no Centro Materno-Infantil Nossa Senhora da Graça, em saúde materno-infantil para estudantes, enfermeiros e parteiras, bem como seminários em gestão de saúde, no Instituto Superior Politécnico Jean Piaget, para gestores de unidades de saúde das províncias de Benguela, Huambo e Bié. Para além dos resultados imediatos em termos da qualificação dos quadros, importa promover o acompanhamento destas iniciativas de maneira a identificar boas práticas e retirar lições que possam melhorar os processos e a planificação político-programática neste domínio. Reconhecendo a diversidade de experiências válidas, atualmente em curso em Angola, o projeto Obrigado Mãe propôs-se a alargar esta proposta de trabalho a várias organizações e a diversos responsáveis de projetos na área da saúde materno-infantil, tendo sido este o motivo de contacto para a realização do grupo de trabalho com as entidades.

Para mais informações: https://www.fecongd.org/project/obrigado-mae/

Últimas notícias…

Exposição Tantas Vezes Digo ao Orvalho Sou Como Tu

Exposição Tantas Vezes Digo ao Orvalho Sou Como Tu

Tantas vezes digo ao orvalho sou como tu é o nome da nova exposição que inaugura quinta-feira, dia 1 de outubro, às 18h, na Brotéria. Refletir sobre a problemática ambiental, percecionada através dos sentidos que os artistas nos provocam, foi o propósito...

read more