Artesãos do projeto “Cultura i nô balur” visitam Museu Etnográfico de Bissau

1 Out, 2018

Os artesãos apoiados pelo projeto “Cultura i nô balur” visitaram, no dia 28 de setembro, o Museu Etnográfico de Bissau e ficaram a conhecer um pouco mais a história e as tradições da Guiné-Bissau.

“Eu não conhecia a história da minha etnia”, conta Titina Pereira, uma das artesãs. “Vai ser uma história para contar aos meus filhos, irmãos e a outras pessoas da minha comunidade.”

“Foi formidável!”, diz Ivaldino Martins. “Acabei de aprender muitas coisas aqui no museu sobre a história do meu país, as diferenças entre etnias e a cultura que nos une.”

Cultura i nô balur – Uma Estratégia de Educação para a Cultura na Guiné-Bissau é um projeto desenvolvido pela FEC em parceria com a ENGIM, a Universidade Católica da Guiné-Bissau, o Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, a Associação de Escritores da Guiné-Bissau e a Afectos com Letras, com financiamento da União Europeia, da Misereor e do Camões, I.P.

Últimas notícias…

Cabo Delgado | Não nos conformamos com a violência

Cabo Delgado | Não nos conformamos com a violência

Mais de 30 organizações da sociedade civil portuguesa apelam ao envio urgente de ajuda humanitária para Cabo Delgado, Moçambique A população de Cabo Delgado, em Moçambique, está a viver, desde há quatro anos, violentos ataques, que já fizeram mais de 700.000...

read more